Dia Internacional da Mulher

08 de março de 2019 (sexta-feira)


Dia Internacional da Mulher

O Dia Internacional das mulheres surgiu no final do Séc. XIX e início do Séc. XX nos Estados Unidos e na Europa, no seguimento das lutas femininas por melhores condições de vida e trabalho e pelo direito de voto. Este dia foi celebrado a primeira vez a 28 de fevereiro de 1909, nos EUA.

É uma celebração global que visa inspirar mulheres em países de todo o mundo.

Historias e curiosidades

Aqui ficam 28 curiosidades deste dia!

  1. A 8 de Março de 2017, a EasyJet operou um vôo com uma equipa feminina. O capitão, o primeiro oficial e quatro tripulantes de cabine para o voo de Londres Gatwick para Madrid foram todas mulheres. O voo foi capitaneado por Kate McWilliams, que se acredita ser o capitão da companhia aérea feminina mais nova do mundo.
  2. Embora o Dia Internacional da Mulher seja agora amplamente dirigido a inspirar mulheres em todo o mundo e a celebrar as suas conquistas, as suas raízes estão essencialmente em movimentos que promovem melhores direitos salariais e participação na vida política.


  3. A 19 de Março de 1911 foi a primeira vez que a Áustria, Dinamarca, Alemanha e Suíça homenagiaram o Dia Internacional da Mulher. Mais de um milhão de pessoas participaram de manifestações e fizeram campanha pelos direitos das mulheres para a igualdade no trabalho, capacidade de voto, treino militar, ocupação de cargos públicos e acabar com a discriminação.
  4. Na véspera da Primeira Guerra Mundial, a campanha pela paz, as mulheres russas observaram seu primeiro Dia Internacional da Mulher no último Domingo de Fevereiro de 1913. Em 1965, foi declarado como um dia não trabalhador na URSS.
  5. O Dia Internacional da Mulher foi transferido para 8 de Março de 1965 e permaneceu a data global para o evento desde então. As Nações Unidas deram sanção oficial ao Dia Internacional da Mulher e começaram a patrociná-lo.


  6. Estados Unidos agora designam todo o mês de março como "Mês da História da Mulher".
  7. Mary Queen of Scots foi atribuída à criação do primeiro campo de golfe do mundo.
  8. O Dia Internacional da mulher também é um feriado oficial em 15 países, incluindo China, Ucrânia e Vietnam.
  9. Um estudo, encomendado por Foxy Bingo, revelou que a falecida princesa Diana é a "mulher mais inspiradora de todos os tempos", batendo uma lista de personagens femininas formidáveis na história, como a primeira mulher primeiro-ministro da Grã-Bretanha, Margaret Thatcher.
  10. Os dois QI mais altos já registados em teste padrão pertencem a mulheres.
  11. Atualmente, existem 17 países com mulheres como chefe de governo, chefe de estado ou ambos, o que, de acordo com a ONU, mais do que duplicou desde 2005.


  12. Geralmente considerado o primeiro romance do mundo, The Tale of Genji foi escrito no Japão por volta do ano 1000 a.c., por Murasaki Shikibu.
  13. Na cultura do Tiwi do norte da Austrália, todas as mulheres devem estar sempre casadas.
  14. A primeira governadora de um estado dos EUA foi a governadora de Wyoming, Nellie Tayloe Ross, eleita em 1924. Wyoming também foi o primeiro a dar às mulheres o direito de voto, promulgando o sufrágio feminino em 1869.
  15. Um estudo indica que a probabilidade de uma mulher dar à luz uma menina em vez de um menino aumenta significativamente quanto mais perto a mãe viva do equador.
  16. As Nações Unidas dizem que apenas 22 por cento dos parlamentares em todo o mundo são mulheres.
  17. A simbologia de representação do Sexo Feminino (♀) é também o símbolo do planeta Vénus, e acredita-se que seja uma representação estilizada do espelho de mão da deusa romana Vénus.
  18. Investigadores alegaram que as mulheres falam em média 20 mil palavras por dia. Os homens apenas 7.000!
  19. Apenas 14 por cento dos altos cargos executivos nas empresas Fortune 500 são detidas por mulheres. Apenas 24 dessas empresas têm CEOs femininas.
  20. Embora a percentagem de mulheres casadas antes dos 18 anos tenha caído no Norte da África e no Oriente Médio, em termos globais, nos últimos 30 anos, uma em cada quatro mulheres eram noivas infantis.
  21. Uma mulher em África tem a probabilidade de 1 em cada 31 de morrer de complicações na gravidez ou no parto.
  22. Um estudo de 2013 da UNICEF indica que cerca de 31 milhões de raparigas com idade para ensino primário e 32 milhões de raparigas com idade para ensino Básico médio inferior não frequentam a escola, o que significa que nesse ano cerca de 63 milhões de jovens raparigas do mundo ficaram fora da escola.
  23. Relatórios produzidos pela UNICEF em 2013 alertam para o facto de que se todas as meninas da África subsariana e do Norte e Oeste da Ásia frequentassem a escola e recebessem educação secundária, o casamento infantil reduziria na ordem dos 64%.


  24. Apesar da Declaração das Nações Unidas sobre a eliminação da violência contra as Mulheres em 1993, atualmente, 1 em cada 3 mulheres em todo o mundo são vítimas de violência física ou sexual, geralmente é por parte de um parceiro íntimo.
  25. Apesar das mulheres superarem os homens tanto no ensino secundário como no ensino superior, as taxas de desemprego afetam desproporcionalmente as mulheres em todo o mundo. A partir de 2013, a proporção global de emprego entre população feminina era de apenas 47,1 por cento. Por todo o mundo, para os homens, essa porcentagem foi de 72,2 por cento.
  26. As mulheres ainda dispendem mais tempo no trabalho doméstico e no cuidado infantil do que os homens. A ONU informa que as mulheres passam uma a três horas a mais no trabalho doméstico do que os homens, duas a dez vezes mais tempo nos cuidados com as crianças e idosos e uma a quatro horas menos por dia nas atividades do mercado económico. De fato, na União Européia, 25 por cento das mulheres dizem que é por isso que elas não são ativas na força de trabalho, enquanto que apenas três por cento dos homens podem dizer o mesmo.
  27. Cinquenta e oito por cento dos graduados da faculdade são mulheres, e esta percentagem aumentada de mulheres educadas tem estado diretamente ligada ao crescimento econômico em todo o mundo - e um crescimento econômico mais rápido disso. Entre os 34 países que participam da Organização de Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), mais educação para mulheres e meninas representa 50% do seu crescimento econômico nos últimos 50 anos.


  28. O Fórum Económico Mundial prevê que as disparidades globais de remuneração de gênero não se equilibram até 2186.